Vereador Beto Avelar acompanha vacinação de indígenas das aldeias urbanas na Capital

O vereador Beto Avelar, líder do prefeito Marquinhos Trad na Câmara Municipal, acompanhou hoje (14/04) a vacinação da comunidade indígena no CRAS da Vila Popular que recebeu as famílias indígenas das aldeias urbanas localizadas no grande Indubrasil, Vila Romana, Santa Mônica e Aero-Itália.

A vacinação dos indígenas de aldeias urbanas só foi possível após solicitação do vereador Beto Avelar para que as famílias integrassem grupo prioritário de vacinação como ocorre com as etnias que moram nas aldeias tradicionais. “A Prefeitura e os órgãos de Governo tiveram sensibilidade ao analisar que não se trata de uma questão geográfica se o indígena é urbano ou do campo. Estamos falando de uma população indígena que precisa ser imunizada e não de aspectos geográficos”, destaca Beto Avelar.

Diversos estudos pelo mundo ressaltam a resposta imunológica menos eficiente dos povos indígenas para combater infecções virais, como a covid-19. Um estudo do Departamento de Genética da Universidade Federal do Rio Grande do Sul aponta que essa situação acontece em razão das variações de genes do sistema imunológico nos indígenas. Isso destaca a importância da vacinação das comunidades indígenas como grupo prioritário independente do local de moradia.

No último final de semana, o vereador Beto Avelar visitou as aldeias urbanas de Campo Grande para verificar a situação em relação à pandemia de coronavírus. As maiores preocupações das famílias são as condições de proteção e a retomada dos postos de trabalho. “Essa vacina é de suma importância porque a nossa comunidade não consegue emprego porque tem gente que tem medo de contratar o indígena. E existe o medo porque o indígena tem baixa imunidade para a essa doença. Essa vacina chega em boa hora porque a gente precisava muito mesmo se vacinar”, explica o cacique Alder Romero Larrea da aldeia Água Bonita.

Membro da Comissão de Acompanhamento da Compra de Vacinas com Eficácia Comprovada Contra a Covid-19 da Câmara Municipal, Beto Avelar tem visitado várias comunidades indígenas e fiscalizado o cadastramento para vacinação. Pelo menos 2.300 indígenas que vivem em aldeias urbanas e comunidades de Campo Grande devem ser imunizados contra Covid-19 ainda nesta semana.

Assessoria de Imprensa – Vereador Beto Avelar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *