Soraya Thronicke entrega R$ 3,3 milhões a Maracaju e anuncia máquinas de hemodiálise


Ao cumprir agenda em Maracaju (MS) no último sábado (31/07), a senadora Soraya Thronicke (PSL/MS) entregou emendas parlamentares individuais no valor total de R$ 3,30 milhões, dos quais R$ 2,88 milhões são de sua autoria, no período de 2020 e 2021. No caso de 2020, foram R$ 1,70 milhão para a construção do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) do município e para o combate à Covid-19, enquanto em 2021 são mais R$ 1,17 milhão para o custeio da saúde básica do município.

Soraya Thronicke explicou ao prefeito Marcos Calderan (PSDB) e ao presidente da Câmara de Vereadores, Roberto Ziemann (PSDB), que o atendimento adequado em saúde mental contribui para reduzir o número de suicídios no Brasil, pois, dados do Ministério da Saúde mostram que nos municípios onde há CAPS (Centros de Atenção Psicossocial) a taxa de suicídios diminui em 14%. “Fico grata pela oportunidade de poder ajudar nesta questão tão importante que é a saúde mental das pessoas. É com muito carinho que estou aqui e em breve estarei de volta para inaugurar esse espaço tão importante”, reforçou.

A parlamentar sul-mato-grossense aproveitou a oportunidade e parabenizou o secretário municipal de Saúde, Thiago Caminha, e toda a equipe pelo empenho na saúde. A senadora reforçou o apreço pelo município. “Quero dizer que podem contar comigo para ajudar Maracaju cada vez mais, pois ajudando o município, nós ajudamos o nosso Mato Grosso do Sul também. Meu carinho por Maracaju é enorme, pois tive uma votação mais expressiva no município e, em termos percentuais, foi a minha maior votação no Estado. Também faço questão de lembrar que o meu coração está em Maracaju porque a família do meu marido é toda do município. A população de Maracaju pode acreditar que sempre vai poder contar comigo, o meu gabinete em Brasília (DF) está de portas abertas para os representantes políticos daqui, pois acredito muito no potencial daqui”, disse.

Repercussão

O prefeito de Maracaju, Marcos Calderan (PSDB), agradeceu a senadora pela atenção e carinho com a população e ressaltou que essas duas emendas significam muito para o município. “Todo cuidado com a saúde mental da nossa gente é muito importante, pois se trata de um problema silencioso que passa despercebido pela maioria . Não basta só investir em educação e obras de infraestrutura, nós precisamos também alocar recursos para a saúde mental do nosso povo, que, infelizmente, tem piorado muito devido à pandemia do novo coronavírus. Esse recurso vem ao encontro da nossa necessidade nessa área. O CAPS vai dar um alento para a nossa gente, pois teremos condições de oferecer um melhor tratamento a quem precisa”, pontuou.

Já o presidente da Câmara de Vereadores de Maracaju, Robert Ziemann (PSDB), completou que a senadora Soraya Thronicke está retribuindo a expressiva votação que recebeu no município nas eleições para o Senado. “A nossa população acreditou no trabalho da senadora e agora está sendo recompensada. Nós estamos vendo o empenho dela para a construção do CAPS e o comprometimento por fazer o melhor por Mato Grosso do Sul, então, a gente fica feliz por termos acertado no nosso voto”, comemorou.

A unidade do CAPS será construída no Jardim Guanabara e terá um prédio amplo, capaz de atender mais pacientes com problemas psiquiátricos e dependência química. O Centro tem como objetivo a recuperação mental dos pacientes e a integração deles com a família e a comunidade, pois, atualmente, 17 pacientes de Maracaju estão internados em clínicas psiquiátricas fora do município. Com a unidade, a cidade terá um espaço com uma equipe multidisciplinar, com médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais, dentre outros, para que essas pessoas possam ser recuperadas, ter uma vida normal e sejam reinseridas no mercado de trabalho.

Centro de hemodiálise

Preocupada com a área da saúde de Maracaju, a senadora Soraya Thronicke também anunciou a destinação de uma emenda no OGU (Orçamento Geral da União) do próximo ano para a aquisição de equipamentos para a implantação de um centro de hemodiálise no município. Imediatamente, o vereador Robert Ziemann assumiu o compromisso de economizar recursos do duodécimo do Poder Legislativo para contribuir com a concretização desse espaço, pois esse serviço de hemodiálise vai minimizar o sofrimento dos renais crônicos que necessitam desse processo e são obrigados a se deslocar para fazer o tratamento em Campo Grande (MS).

“Nós solicitamos à senadora que olhasse com atenção para esse pedido de instalar um centro de hemodiálise em Maracaju e ela anunciou que vai destinar uma emenda para a aquisição de aparelhos para hemodiálise, que são fundamentais para a implantação desse espaço. Isso só demonstra que ela realmente tem um carinho especial por nossa cidade”, agradeceu o presidente da Câmara de Vereadores de Maracaju.

Já o prefeito Marcos Calderan reforçou que a implantação de um centro de hemodiálise é um sonho antigo da população de Maracaju em razão do sofrimento que os renais crônicos têm para se deslocar para Campo Grande três vezes por semana. “Essa era uma promessa de campanha para prefeito, por coincidência também era proposta do pré-candidato do PSL à Prefeitura, mas acabou não disputando e optou por formar uma aliança com a gente, e, agora, vamos cumprir. É uma soma de esforços entre os poderes Executivo e Legislativo de Maracaju, que conseguiram, agora, o apoio da senadora, que se prontificou em destinar uma emenda para a compra dos equipamentos”, finalizou.

Assessoria de Imprensa Senadora Soraya Thronicke

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *