Senadora Soraya Thronicke destina R$ 100 mil para Casa do Aconchego de Campo Grande

Com uma atenção especial voltada às entidades assistenciais que atende idosos em Mato Grosso do Sul, a senadora Soraya Thronicke (PSL/MS) destinou emenda parlamentar no valor de R$ 100 mil para Casa do Aconchego, uma instituição de longa permanência que acolhe 30 pessoas da terceira idade em Campo Grande (MS). A parlamentar sul-mato-grossense fez questão de fazer, nesta terça-feira (20/07), a entrega simbólica do cheque com o recurso que será destinado para o custeio do local.

“Vejo esses idosos e penso na minha família, com quem aprendi os valores e o respeito que devemos ter a outras pessoas. Ao conceder essa emenda à Casa do Aconchego, creio que estou contribuindo com a valorização dos idosos que, ao longo de muitos anos das suas vidas, cuidaram dos seus filhos, dos seus netos e até dos seus bisnetos. Na minha avaliação, eles precisam de atenção, de carinho, de aconchego e, principalmente, da tutela do Estado. Essas pessoas contribuíram de alguma forma com o desenvolvimento do nosso País e, portanto, acredito que ao destinar esse recurso é o mínimo que posso fazer para que elas tenham uma estrutura que lhes dê dignidade e conforto nesta fase da vida”, declarou Soraya Thronicke.

Para a presidente da Casa do Aconchego, Suely Gomes, os R$ 100 mil enviados pela senadora significam muito para a instituição, pois o custeio é muito alto. “As nossas contas de energia elétrica e de água e esgoto são altas. Além disso, temos ainda os salários dos nossos profissionais, então, receber a senadora aqui, trazendo essa emenda, foi muito importante e demonstra que ela valoriza os nossos idosos, que passaram a vida inteira cuidando das pessoas e agora são eles que precisam de cuidados. O que a senadora Soraya Thronicke fez por nós não tem preço, agradeço muito a ela por ter vindo pessoalmente fazer a entrega simbólica do recurso”, afirmou.

*Outras instituições*

A senadora lembra que também já beneficiou com emendas no mesmo valor o Asilo São José, de Corumbá (MS), e Asilo São João Bosco, de Campo Grande (MS). No caso do Asilo São José, os R$ 100 mil foram destinados para a compra de equipamentos e custeio de serviços de psicologia e limpeza da instituição, que acolhe 73 idosos com alimentação, atendimento médico, fisioterapia, terapia ocupacional, educação física, psicologia e assistência social.

O asilo é mantido pela Liga das Senhoras Católicas da Diocese de Corumbá e conta apenas com contribuições e doações, sem qualquer tipo de promoção de caráter filantrópico social. “O trabalho desenvolvido na instituição é muito importante para os idosos, tendo um cuidado especial com nossos idosos e que precisam muito do nosso apoio”, afirmou a parlamentar. Já o Asilo São João Bosco aplicou os R$ 100 mil em investimento e custeio da instituição, que abriga 69 idosos em situação de vulnerabilidade.

Com os recursos, foram adquiridos televisores para os quartos dos idosos e para as salas de interação, câmeras de segurança e também no desenvolvimento de um projeto com a fonoaudióloga para atuar no diagnóstico precoce, na elaboração de programas, intervenção e na reabilitação, promovendo uma melhor qualidade de vida aos idosos institucionalizados. A instituição oferece ainda diversos serviços como nutricionista, psicologia, fisioterapia, assistência social, equipe de enfermagem, médicos, pedagogia e atividades lúdicas em regime integral.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *