TRE quer devolução de R$ 34 mil de candidato a vereador

Candidato a vereador pelo PSDB nas eleições de 2020, Jonas de Paula, terá que devolver R$ 9 mil do Fundo Eleitoral e R$ 25,7 mil oriundos de outros recursos à União, que somam R$ 34.350, conforme decisão da 53ª Zona Eleitoral de Campo Grande, publicada no Diário da Justiça Eleitoral. O motivo são divergências entre as receitas e despesas informadas na prestação de contas.

Conforme o Campo Grande News, Jonas disse que houve apenas uma falha no envio da prestação de contas e que será prestada a devida justificativa ao TRE. “Nossa assessoria contábil e jurídica está cuidando disso e faremos a devida justificativa ao TRE”, respondeu Jonas, que alcançou 394 votos e ficou em 203º lugar na disputa.

A decisão da Justiça cita ausência de extratos legíveis e integrais, durante todo o período da campanha eleitoral; despesas constantes na prestação de contas com pagamentos de cheque que divergem das despesas lançadas nos extratos eletrônicos os quais a Justiça Eleitoral teve acesso. Segundo a Justiça, também houve irregularidades apontadas no relatório preliminar para expedição de diligências; sobre o qual o Jonas deixou de se manifestar, apesar de devidamente notificado.

 

Fonte: Conteúdo ms

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *