Em ação, MPF pede indenização milionária por danos morais contra Sikêra Jr.

O Ministério Público Federal (MPF) no Rio Grande do Sul apresentou, nesta segunda-feira (28), uma ação contra o apresentador de TV Sikera Jr., cujo programa filmado pela RedeTV! no Amazonas tem alcance nacional. Por conta de comentários de cunho LGBTQfóbico, o MPF pede que a Justiça Federal do Porto Alegre que obrigue o apresentador e o canal a pagar indenização de R$ 10 milhões, por danos morais coletivos.

Na peça, os promotores alegam que Sikêra – um dos ícones do bolsonarismo, a ponto de já ter entrevistado o presidente em seu estúdio – tem responsabilidade civil sobre os danos causados pela sua fala, bem como a emissora.

“Além da ameaça constante nas próprias falas, de teor discriminatório e de preconceito, de descabida associação entre a homossexualidade e a prática de crimes associados à pedofilia, estimula a violência contra este grupo, caracterizando discurso de ódio e menosprezo pelo ordenamento jurídico e pelas instituições democráticas”, resumiram os autores da peça.

O MPF, por meio da Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, lembra ainda que ‘a chamada “agenda conservadora’, como se sabe, muitas vezes pautada em dogmas, permeia-se por preconceitos, mas que não por isso deixam de ser ilegais.”

A medida, apresentada no dia internacional do orgulho LGBTQIA+, coincide com outra ação, movida pela Aliança Nacional LGBTI+, que também apresentou uma ação civil pelo Ministério Público de São Paulo. Sikêra Jr. tem um histórico de falas de cunho LGBTQfóbico, que voltaram à tona neste último final de semana, após um comercial de uma rede de hambúrgueres mostrar crianças opinando favoravelmente à diversidade sexual.

Se você chegou até aqui, uma pergunta: qual o único veículo brasileiro voltado exclusivamente para cobertura do Parlamento? Isso mesmo, é o Congresso em Foco. Estamos há 17 anos em Brasília de olho no centro do poder. Nosso jornalismo é único, comprometido e independente. Porque o Congresso em Foco é sempre o primeiro a saber. Precisamos muito do seu apoio para continuarmos firmes nessa missão, entregando a você e a todos um jornalismo de qualidade, comprometido com a sociedade e gratuito. Mantenha o Congresso em Foco na frente.

 

 

Fonte: conteudo ms

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *