Corumbaense “ameaça” apresentar nesta segunda carta de desistência da disputa das quartas-de-final do Estadual

Uma reunião que teria ocorrida neste domingo na sede do clube Corumbaense parece ter definido o futuro do “Galo Pantaneiro”: fechar as portas para recomeçar tudo. Pelo menos é essa a informação que teria sido passada por pessoas representantes da diretoria para grupos de torcedores e que se espalharam rapidamente por todo o Mato Grosso do Sul. A decisão teria sido confirmada pelo atual presidente João Ribeiro Vieira “Kiko” para pessoas e torcedores e batido o martelo: o Corumbaense não vai disputar as quartas-de-final.

Leia as mensagens espalhadas “Reunião realizada hoje na sede do corumbaense, ficou decidido que o CFC não irá participar das finais do campeonato MS.. motivos financeiros, pois os patrocinadores devido a pandemia rescendio o contrato de patrocínio com o clube… portanto os dois jogos contra o Aquidauanense será WO…. segundo o regulamento o CFC não será punido. se o clube voltar em 2021 será normalmente na primeira divisão….FFMS já está ciente. A documentação da desistência do clube das finais do campeonato será enviado amanhã (segunda) para a FFMS..segundo o presidente Kiko o clube não tem as mínimas condições financeiras para continuar no campeonato”.

O Corumbaense conseguiu a última vaga nas quartas-de-final após uma luta no tribunal. O time foi punido por ter jogado com o lateral Vandinho irregularmente por ter sido expulso na temporada passada. Mesmo sendo assim, na última rodada o clube ficou com a última vaga e rebaixaram o Pontaporanense e o Cena de Nova Andradina.

Com a oitava posição, o time da fronteira tem dois jogos marcados para enfrentar o Aquidauanense, líder da primeira fase. A primeira partida está marcada para o próximo domingo, às 15h, no estádio Morenão. Segundo consta, o estádio Artur Marinho está sem os laudos para receber partida.

Fonte: Esporte Ms

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *